Membros Participantes

Cadastre seu e-mail para receber novidades

quinta-feira, fevereiro 14, 2013

6

AT5289 VITAI


Para os radio-operadores entusiastas do Any Tone AT5555/Hannover e Superstar 6900, em breve, a mesma fábrica dessa linha equipamento disponibilizará no mercado (inter)nacional seu segundo modelo mais ativo, o AT5289 VITAI, modelo que aguarda ansiosamente um nome de batismo em algum lugar do planeta. Como a "onda" agora é rádio digital, não duvido nada que seja um transceptor bem aceito,  visto que brasileiro é chegado em produto asiático. 
A questão não é mais se produto chinês é bom ou ruim, pois sabemos que da mesma fonte podemos obter ótimos transceptores, assim como péssimos transceptores, como exemplo dos péssimos citaria dois, Aquario RP80 e VOYAGE BR9000, e como produto de ponta, o Hannover BR9000 e um outro que por agora não posso mencionar por motivos de parceria comercial.
Os rádios digitais foram concebidos à priori para suprir uma demanda de produtos cujo custo é inferior se comparado aos analógicos atuais, e a posteriori, com o campo/nicho de mercado já aberto, influenciam diretamente no gosto daquele que procura um transceptor de qualidade.
A vida útil está ligada diretamente na forma, ou poderia dizer, condições de uso, pois conscientes de que na estrutura desses equipamentos falta, a grosso modo, "recheio de solda", também me arriscaria dizer escassez de matéria prima, em exemplo geral citaria a pasta térmica para transferência de calor, nota-se claramente que não atende a finalidade à qual o produto foi produzido, ou seja, em veículos, de modo geral. Para uso em Estações Base, ótimo.
Vamos aguardar e ver o que o futuro próximo nos trás.  
Se deseja acrescentar detalhes sobre este equipamento, utilize o campo de postagem. É uma ótima forma de interagir com outras pessoas e obter conhecimento de mais de uma fonte.
73s

((•)) Ouça este post

6 comentários:

Anônimo disse...

mais um ching ling, não aguento mais isso!
Marcos do Rio de Janeiro

esquemas de radios PX disse...

RADIOS PX E VHF HOJE ...ESTAO COM QUALIDADE ZERO ..ATE HF DE 7 MIL REAIS QUE DEIXA A DESEJAR ..... SEM MAIS PALAVRAS MAIS UM LIXO DE PX PRA TECNICOS FUÇAREM !!!!

Marco A. Vieira disse...

Vamos ver se veremos a cara dele no Brasil!
Essa coisa de ser Chinês já é fato consumado, o que temos de levar em conta é a qualidade do radio, o que dificilmente é boa se tratando da Versão N°1.
Eles são espertos, para lançar logo no mercado, eles pulam a fase de testes e jogam essa tarefa para os compradores detectarem os possíveis erros.
O que eu quero saber é onde estão o importadores brasileiros?
Todos os dias, pelo menos na net a gente vê um certo aumento na procura por Radiocidadão, os dados da ANATEL até provam isso com o aumento no numero de licenças. Então o MERCADO EXISTE!
Essa coisa de só ter Cobra 148 GTL e 19 DX pra comprar é um porre!
Melhorou um pouco com a chegada do RP/Hannover e tal, mas cadê o resto?
Os europeus tão fazendo a festa com o novos modelos da President, AnyTone e da Uniden, (TODOS DA CHINA, CLARO!) Mas, atualmente eles tem uma variedade enorme de transceptores a disposição.
Queria ter aqui a variedade de equipamentos que eles tem lá, e se chegarem com um preço justo melhor ainda!

André Luiz disse...

O problema são os impostos... a carga tributária é muito alta. A empresa que vai representar a marca possivelmente terá que gastar uma boa grana para homologar, pagar 100% de impostos na importação, para comercializar é cobrado novo imposto.
Confesso que vender rádio não da lucro a essas empresas, é muito investimento, mas está para ser lançado no Brasil modelos da UNIDEM com AM e SSB. Acredito que o púbico vai gostar. Tem outro lançamento também, muito foda, tenho ele aqui (só não posso comentar, está em testes).

Marco A. Vieira disse...

Bom dia Alemão!
Puxa que boa noticia! Espero que o Uniden seja o Bearcat 980! Aquele radio é lindo! E os gringos dizem que é muito bom mesmo.
Essa coisa de impostos no Brasil nem dá pra comentar, tanto dinheiro arrecadado todos os anos indo pro ralo.
Pena que a Lei de isenção de impostos pra equipos de PX/PY não vingou.
Alemão, outra coisa, já que vc tem contato com algumas empresas, não daria pra dar um toque ai e pedir pra trazer alguns Acopladores de Antena? Eles viraram Mosca Branca!
Não estamos achando mais nem aqueles simplezinhos da Voyager e os da MFJ estão um absurdo!
Esses dias tive que comprar um no Ebay. Comprei um Maco 91 por US$ 49.00 + US$ 19.00 de frete, saiu mais barato que o MFJ mais baratinho da Radiohaus...kkk (agora é ajoelhar e rezar pra não ser sobretaxado).
73.

André Luiz disse...

Marco, eu estou pressionando os parceiros faz tempo, e acredito que em breve teremos produtos bons e acessíveis disponíveis no mercado.
Alguns parceiros não acreditam que exista demanda para esse tipo de produto, por isso a dificuldade.
Um amigo (parceiro comercial) vai na China no final do ano para fechar uns acordos, e prometeu que vai ver isso com atenção.
O rádio é esse mesmo que você falou, mas são 3 modelos dessa linha.

Sem instrumentos, não adianta!

Sem instrumentos, não adianta!
clique na imagem

Postagem em destaque

Consertando e ajustando pastilhas de wattímetro Bird

"Para aqueles que acham que este instrumento é incorruptível", é bom saber que os wattímetros Bird usam elementos removíveis, cha...

→ TVi ↓

TVi é um dos problemas mais sérios que o radio-operador pode sofrer. Pensando nisso, aqui vai algumas dicas seguras sobre como evitar este problema.

1º Cabo: Tem gente que acha que é só soldar o fio no conector e está tudo certo. Ledo engano!

Antes de soldar o conector, certifique-se que a malha esteja totalmente prateada, brilhando. Caso não esteja, substitua o cabo, ele está oxidado. "É a ação do tempo".

2º Conector: Verifique a qualidade do conector no ato da compra, e caso seu conector esteja a anos sendo utilizado (ou guardado), passe uma lixa fina por dentro no local onde encaixa a malha. Não deve haver nenhum tipo de sujeira ou sinal de oxidação.

3º Conector fêmea do rádio: Utilize uma chave de estria tamanho 19 e aperte a porca. Mal contato é um problema sério. Verifique a solda interna após o reaperto.

4º Não utilize antena tipo 5/8 caseira entre prédios e condomínios que estejam em locais mais altos que sua estação à distâncias menores de 10 metros. Lembre-se que a antena 5/8 irradia em ângulo reto, e a antena de tv do vizinho pode ser aquele famoso "bombrill".

Escolha sempre antena 5/8 industrial. Se for caseira utilize 1/4 de onda, pois seu lóbulo de irradiação aponta a ionosfera, ao invés do horizonte, como no caso da 5/8.

5º Não abra o ALC do equipamento. O ALC libera espúrios. Ao abrir potência do equipamento mantenha a proteção ALC. Da mesma forma que fazemos em nosso laboratório. Isso é imprescindível. Abrir ou aumentar potência não tem nada a ver com liberar ALC. Isso é para incompetentes e palitadores. Se abrir a potência do equipamento lembre-se de deixar o ALC atuando.

6º Estacionária: Nunca se esqueça que estacionária baixa não tem nada a ver com ressonância. A antena pode estar com roe ótima em determinado local, mas ressonar lá na casa do...

7º Identificar o "plano terra": Plano terra não tem nada a ver com antena plano terra. Você deve saber onde é o plano terra de sua estação, e o mesmo não tem nada a ver com o solo. Descobrindo o plano terra, a partir dele você saberá qual é a altura ideal para sua antena. Respeitando esta regra, além do rendimento otimizado de sua Estação, jamais correrá riscos de TVi. Dúvidas?

Consulte-nos.

→ Power RF Aprenda ↓

Como saber a potência correta sem ser enganado?

Primeiro, pesquise sobre o DATASHEET do transistor do seu rádio, leia a respeito, verifique a potência máxima levando em consideração a voltagem do transistor. A base de cálculo é a fonte de alimentação, então o parâmetro é 13,8 volts.

Se apresenta 8A de consumo em amperímetro digital "com congelamento de pico máximo", basta multiplicar 13,8v por 8A e o resultado dividir por 2.66, eis a potência correta, que são 41,5 watts de envelope - PEP. Em miúdos, no assovio tem que dar 41,5 watts, e na modulação 60% por conta do péssimo modulador original, então restam quase 25 watts de modulação real. Viu porque não adianta palitar? Girar ou abrir posição de trimpot apenas gera mais calor, e calor é igual a perda. Quanto mais se aquece o transistor, mais fecha a entrada de gate quando aquecido, e por isso você precisa alterar alguns componentes na saída, porque eles impedem o rendimento da potência final (isso só serve para rádios PX).

Um rádio na atualidade - 2015 - original apresenta 20w PEP SSB em média, então você tem 13,8v X 4A de consumo, que é = 55.2w Dividido por 2.66 = 20,75w efetivos. Ou seja, fonte de 5A para esse rádio original toca com folga.

Rádios com upgrade apresentam consumo entre 12A e 16A "em média" para mais, então você tem 13,8v X 12A = 165,6W em calor (em perda) divididos por 2,66 = +- 60w que representa o % aproveitável, e em média máxima "para 13,8v". Com voltagens DC to DC na alimentação, essa potência pode ultrapassar os 100 watts aproveitáveis, mas não há área de dissipação, então não recomendo. A bem da verdade, eu literalmente pago para ver alguém conseguir reproduzir o sistema que patenteamos, DC to DC.

Se utilizar bateria de 12v, o consumo em amperagem é maior. Quanto maior a voltagem, menor consumo em amperagem, quanto menor voltagem, maior consumo em amperagem.

By: Lei de Ohm.

Medições fora deste parâmetro são equivocadas.

Fale comigo

→ Dica de Segurança

A vantagem do Rádio na estrada, além da possibilidade de fazer grandes amigos, é saber o que está acontecendo lá na frente. Um possível deslizamento, bloqueio de pista, uma possível blitz falsa, assaltos, áreas perigosas, carros suspeitos e acidentes. Na verdade, o operador da Faixa do Cidadão precisa de muita malícia, porque em todo lugar haverá maldade e oportunismo. Já houve caso de amigo que quase foi morto em emboscada armada através de convites feitos na própria faixa. Pessoas que se passaram por radio-operadsores o chamaram para tomar um café e o mesmo foi, sem maldade nenhuma, mas estavam na verdade de olho em sua carga de remédios, relata João, Estação Cachorro Louco (Juiz de Fora MG). Portanto amigos, é possível sim fazer do rádio um ambiente saudável e seguro, basta denunciar quaisquer irregularidades e ficar atentos a desvios de conduta. Aproveite e faça sua parte, seja cordeal, e não se misture com radio-operadores que desrespeitam a faixa utilizado linguajar de baixo calão. Em caso de problemas, procure um posto da Polícia Rodoviária Estadual/Federal.

Oferecimento:

PXJF YOUTUBEadio.com.br

→ WATTÍMETRO BIRD - SAIBA TUDO


AUTO/ INFRAÇÃO /MULTA /IMPEDIMENTO/ LICENCIAMENTO EM MINAS GERAIS